Perguntas mais frequentes (FAQ) - Internacionalização

FAQs - Internacionalização

Desde que cumpridas todas as exigências estabelecidas e dentro da vigência do Convênio, sim, pois o Convênio estabelecido entre a USP e a instituição estrangeira deve claramente indicar que a tese será reconhecida nos dois países.

Para garantir o reconhecimento, é fundamental que o convênio aprovado na USP seja aceito, aprovado e assinado pela instituição estrangeira sem qualquer modificação. Muitas vezes os textos são modificados após a aprovação no âmbito da USP, sem que haja conhecimento, tornando nulo o convênio aprovado.

A proteção da pesquisa apresentada na Tese, assim como a publicação, a exploração e a proteção dos resultados da pesquisa comum às Instituições estão asseguradas em conformidade com os procedimentos específicos de cada país envolvido no convênio (geralmente, são as cláusulas da Agência USP de Inovação) conforme lá estabelecido. 

 

O Aluno USP deverá sempre defender sua tese na USP. Entretanto, poderá haver uma segunda defesa na instituição estrangeira, caso isso tenha sido previsto no Convênio de Dupla-titulação.

 

Para as Comissões julgadoras de programas de dupla-titulação, o Convênio deve indicar a composição da Comissão julgadora. Ou seja o número de membros indicados por cada instituição, se os orientadores participam ou não da defesa, o nível de titulação dos membros da banca. Ou seja, não há necessidade de seguirem o Regulamento do Programa ou o Regimento da CPG no qual o Programa se insere.

 

Não. A USP não se responsabiliza por qualquer despesa do aluno referente as suas atividades na instituição estrangeira. O aluno deve contratar o seguro saúde ainda no país de origem.

Não. O Convênio que rege o programa de Dupla-titulação deve ser estabelecido antes do aluno iniciar as atividades relativas a esse programa. Para que haja garantia de validade, todas as atividades devem ser realizadas durante a vigência do convênio.

Últimas Notícias

Próximos Eventos

Calendário Acadêmico da Pós-Graduação

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
Data : Quarta, 6 de Setembro de 2017
7
8
9
10
11
12
13
Data : Quarta, 13 de Setembro de 2017
14
15
16
17
18
19
20
Data : Quarta, 20 de Setembro de 2017
21
22
23
24
25
26
28
29
30

FAQs - Destaques

Resposta: Não, a produção (publicação, patente, registro e afins) deve ter sido efetivamente disponibilizada dentro do período de avaliação (01/01/2013 a 31/12/2016).

Resposta: O sistema está disponível para orientadores com credenciamento Pleno em um Programa de Pós-Graduação da USP,  nos sistemas USP em https://uspdigital.usp.br, com acesso pelo login USP e senha única.  

Busque em DataUSP-PosGrad -> weR_USP-PosGrad -> Análise Qualitativa.

Há usuários com duplo perfil, que para visualizar o sistema precisa alterar seu perfil, ou acessar pelo link:  https://prpg.uspdigital.usp.br/AnaliseQualitativa/

Resposta: Para obter sua senha única, acesse os sistemas USP em https://uspdigital.usp.br e faça a solicitação de “Criar senha única”. Em seguida acesse o WeR-USP para atualizar os seus identificadores de produção científica.  

A partir disso poderá entrar no sistema de Análise Qualitativa. Se ainda tiver problemas com a criação de sua senha única, pode contatar a Superintendência de Tecnologia de Informação da USP diretamente em: https://www.sti.usp.br/contato/fale-conosco/

Janus

Sistema integrado de alto nível para a administração da pós-graduação da USP.

 

Biblioteca Digital

Permite a publicação dos trabalhos de alunos e orientadores, é uma iniciativa global reconhecida pela UNESCO.

 

Portal Alumni

Ferramenta on-line disponível para que ex-alunos estabeleçam rede de contatos e se beneficiem com serviços e vantagens.

eDisciplinas

Curso de introdução à Pós-Graduação produzido pela PRPG